Skip to Content
Go back

Esquema de ligação do cabo Cat 5, encomenda de cabos

No mundo atual, a Internet é tão essencial como o ar que respiramos. Contamos com ela para tudo, desde ficar a par das últimas notícias até ver os nossos filmes preferidos. Mas já alguma vez se perguntou como é que essa magia funciona? Grande parte da resposta está nas pequenas linhas de fio conhecidas como cabos Cat 5.

Entramos em tal detalhe porque o cabo Cat 5 é realmente a força vital do sistema de intercomunicação BAS-IP CAT5. Este sistema é conhecido pela sua conetividade sem falhas e pelas funções de intercomunicação vídeo de alta qualidade e depende fortemente do cabo Cat 5. Quando o cabo é ligado corretamente, de acordo com a norma T568A ou T568B, é garantida uma transmissão de dados rápida e estável – um fator crucial para o funcionamento do sistema de comunicação de portas.

Diagrama do cabo Cat 5 – o coração da Internet

Compreender o diagrama de um cabo cat 5 é como decifrar o código do nosso mundo digital. Estes feixes de fios, bem organizados e com cores diferentes, transportam uma enorme quantidade de informação de um ponto para outro.

Noções básicas sobre cabos Cat 5

Antes de se debruçar sobre um diagrama de cabo Cat 5, é necessário compreender o que é um cabo Cat 5. É um tipo de cabo de par entrançado, normalmente utilizado para Ethernet e telecomunicações. Composto por quatro pares de pequenos fios de cobre, é capaz de transmitir dados a velocidades até 100Mbit/s.

Explicação do diagrama de cabos Cat 5

Um diagrama de um cabo cat 5 é como um mapa rodoviário que mostra como estes oito fios estão dispostos. Existem duas normas, T568A e T568B. A única diferença entre elas é a ordem do código de cores dos fios.

Feixe de cabos Cat 5 A ou B: cores das ligações

Desvendar o código de cores é a chave para compreender o circuito do cabo cat 5. Cada par de fios segue um padrão específico, garantindo a transmissão correcta dos dados.

Norma T568A

Na norma T568A, os pares estão dispostos da seguinte forma

  • Verde e branco-verde
  • Laranja e laranja-branco
  • Azul e branco-azul
  • Castanho e branco-castanho

Norma T568B

A norma T568B é ligeiramente diferente, com os pares dispostos da seguinte forma

  • Laranja e branco-laranja
  • Verde e branco-verde
  • Azul e branco-azul
  • Castanho e branco-castanho
READ  Como instalar interfone: instalação de interfone IP

Quando utilizar que norma?

A escolha entre o T568A e o T568B depende das suas necessidades específicas. Embora ambos tenham as mesmas capacidades, o T568B é mais comummente utilizado em instalações comerciais, enquanto o T568A é frequentemente encontrado em aplicações residenciais.

Encomenda de cabos Cat5 / RJ45

PinCor T568ACor T568BFunção
1Branco/verdeBranco/laranjaTransmissão+ (TX+)
2VerdeLaranjaTransmissão- (TX-)
3Branco/laranjaBranco/verdeReceção+ (RX+)
4AzulAzulNão utilizado
5Branco/azulBranco/azulNão utilizado
6LaranjaVerdeReceção- (RX-)
7Branco/castanhoBranco/castanhoNão utilizado
8CastanhoCastanhoNão utilizado

Numa ligação Ethernet, os pinos 1 e 2 são utilizados para transmitir dados e os pinos 3 e 6 são utilizados para receber dados. Os pinos 4, 5, 7 e 8 não são utilizados numa ligação Ethernet 10BASE-T ou 100BASE-TX, mas podem ser utilizados noutros tipos de redes ou em aplicações Power over Ethernet (PoE).

Ao visualizar o conetor RJ45 (clipe voltado para baixo, pinos de cobre voltados para cima), lembre-se de que a ordem dos pinos é da esquerda para a direita. As normas T568A e T568B são intercambiáveis, pelo que a escolha entre as duas depende frequentemente da preferência pessoal ou das normas regionais.

Diagrama de cabos Cat 5: Cablagem direta e cablagem cruzada

No que diz respeito à cablagem Ethernet, existem dois tipos básicos de configuração de cablagem: direta e cruzada. A escolha entre estes dois tipos depende dos dispositivos que está a tentar ligar.

Cablagem de passagem direta

Cat 5 Cable Diagram

Na cablagem de passagem, ambas as extremidades do cabo têm a mesma ordem de ligação. Isso significa que o pino 1 de uma extremidade do cabo se conecta ao pino 1 da outra extremidade, o pino 2 se conecta ao pino 2 e assim por diante. Esta é a configuração de cabo padrão para conectar dispositivos que usam diferentes tipos de portas Ethernet.

Por exemplo, é utilizado um cabo direto para a ligação:

  • Computador para switch ou hub
  • Router a um switch ou hub
  • Modem para o router

Cablagem de crossover

Cat 5 Crossover Wiring Diagram

Com a cablagem cruzada, a ordem dos fios numa extremidade do cabo é invertida. Isto significa que os pinos de transmissão (1 e 2) numa extremidade estão ligados aos pinos de receção (3 e 6) na outra extremidade e vice-versa.

READ  Diagrama de cablagem Cat 6: Guia completo de instalação de rede

Os cabos crossover são utilizados para ligar dispositivos que utilizam o mesmo tipo de porta Ethernet. Essencialmente, “cruzam” as linhas de transmissão e receção, permitindo que os dois dispositivos comuniquem diretamente, sem utilizar um comutador ou hub.

Normalmente, é utilizado um cabo crossover para a ligação:

  • Computador para computador
  • Interruptor para quadro elétrico
  • Router para router

É importante notar que muitos dispositivos modernos podem detetar automaticamente o tipo de cabo e ajustar a configuração da cablagem em conformidade. Esta funcionalidade, conhecida como Auto-MDIX, tornou a cablagem cruzada menos necessária nos últimos anos. No entanto, continua a ser importante compreender a diferença entre cablagem direta e cruzada, especialmente quando se trata de equipamento mais antigo.

Diagrama de cablagem Cat 5 Pdf

Estabelecer ligações: Ligar o seu próprio cabo Cat 5

Com os seus conhecimentos sobre o diagrama de cabos cat 5, pode agora instalar o seu próprio cabo cat 5.

Ferramentas necessárias

  • Cortador de fios
  • Conectores RJ45
  • Ferramenta de cravar

Passos a seguir

  1. Corte o cabo com o comprimento correto.
  2. Retirar o revestimento exterior para revelar quatro pares de fios.
  3. Disponha os fios de acordo com a norma selecionada.
  4. Ligue os fios ao conetor RJ45.
  5. Utilize uma ferramenta de engaste para fixar o conetor.

Equívocos comuns sobre os cabos Cat 5

Tal como acontece com qualquer tecnologia complexa, existem muitos mitos em torno dos cabos Cat 5. Vamos desmistificar alguns deles.

Mito 1: Os cabos Cat 5 e Cat 5e são iguais

Embora possam parecer idênticos, os cabos Cat 5e são uma versão melhorada dos cabos Cat 5. Podem suportar taxas de dados mais elevadas e são mais resistentes às interferências.

Mito 2: Quanto mais voltas, melhor

Embora seja verdade que a torção reduz a interferência, demasiadas voltas podem degradar a qualidade do sinal. Trata-se de um equilíbrio delicado que os fabricantes se esforçam por alcançar.

Mito 3: Qualquer conetor serve

O tipo de conetor utilizado pode afetar significativamente a qualidade da ligação. Utilize sempre conectores RJ45 para cabos Cat 5.

Resolução de problemas de cablagem Cat 5

Ao ligar um cabo Ethernet, por exemplo, Cat 5, é muito importante seguir o esquema de ligações correto. A ligação incorrecta de um cabo Ethernet pode causar uma série de problemas. Vejamos alguns deles:

READ  RTSP vs ONVIF: Compreender os meandros da tecnologia das câmaras IP

Sem ligação

A consequência mais comum de um cabo Ethernet incorretamente ligado é a falta de ligação à rede. Se os fios do cabo não estiverem posicionados e ligados de acordo com o diagrama do cabo cat 5, os seus dispositivos podem não comunicar entre si.

Ligação intermitente

Nalguns casos, pode ocorrer uma ligação instável e intermitente. Isto pode manifestar-se através de desligamentos ocasionais, velocidades de transmissão de dados lentas ou mesmo perda de pacotes durante a transmissão de dados.

Diafonia e interferência

A diafonia ocorre quando os sinais de um par de fios interferem com os sinais do outro. Isto pode degradar a qualidade da ligação e até levar à perda de dados. A ligação correcta dos cabos Ethernet de acordo com o diagrama de cabos cat 5 reduz a diafonia e a interferência.

Danos nos dispositivos de rede

Em casos extremos, a ligação incorrecta do cabo Ethernet pode resultar em danos nos dispositivos de rede. Este cenário é raro, mas pode ocorrer se a ligação incorrecta resultar num curto-circuito.

Perguntas mais frequentes

Q: Qual é a diferença entre as normas T568A e T568B?

As normas T568A e T568B diferem na localização dos fios com código de cores. No entanto, são intermutáveis na maioria das redes domésticas.

Q: Posso utilizar um cabo Cat 5 para ligações telefónicas?

Sim, o cabo Cat 5 pode ser utilizado para ligações telefónicas, mas é frequentemente considerado redundante devido à sua elevada largura de banda.

Q: A que distância pode um cabo Cat 5 transmitir dados?

Um cabo Cat 5 pode transmitir até 100 metros sem necessidade de um amplificador ou repetidor.

Q: Um cabo Cat 5 pode suportar Gigabit Ethernet?

Tecnicamente, sim. No entanto, para ligações Gigabit Ethernet fiáveis, são geralmente recomendados cabos Cat 5e ou Cat 6.

Conclusão

Um diagrama de cabos cat 5 não é apenas um monte de fios coloridos. É o circuito que faz funcionar o nosso mundo digital. Por isso, da próxima vez que estiver a ver o seu programa de televisão favorito ou a conversar com amigos através de uma ligação de vídeo, pense nesses humildes cabos e nos intrincados circuitos de cabos cat 5 que tornam tudo isto possível.

Articles

A promoção imobiliária é uma área excitante e lucrativa que atrai pessoas com interesse no mercado imobiliário. O papel do promotor imobiliário é fundamental na formação das nossas cidades e comunidades. Mas como é que se torna um promotor imobiliário? Este artigo guiá-lo-á ao longo de todo o percurso, quer esteja a começar do zero […]

Articles

Antes de mergulharmos no mundo dos diagramas de cablagem Cat 6, deve verificar se precisa mesmo de cablagem Cat 6. Embora tenha excelentes características, pode não ser adequada às suas necessidades específicas. Poderá querer considerar a cablagem Cat 5, que é geralmente mais barata e suficiente para a maioria das redes domésticas e de pequenos […]

Articles

Os sistemas de interfone residencial, outrora um item de luxo, agora se tornaram uma parte indispensável de nossas casas. Esses sistemas permitem uma comunicação perfeita entre diferentes cômodos, fornecem segurança adicional e aumentam a conveniência geral de gerenciar nossos espaços de convivência. Dada a crescente necessidade de maior segurança e comunicação eficiente em espaços residenciais, […]

Articles

No mundo atual, a Internet é tão essencial como o ar que respiramos. Contamos com ela para tudo, desde ficar a par das últimas notícias até ver os nossos filmes preferidos. Mas já alguma vez se perguntou como é que essa magia funciona? Grande parte da resposta está nas pequenas linhas de fio conhecidas como […]

Articles

Razões para investir em um vídeo porteiro Garantir a segurança e conveniência são uma prioridade. Um vídeo porteiro, como o BAS-IP AT-10, oferece inúmeros benefícios aos proprietários de moradias. Aqui estão as principais razões pelas quais você precisa de um vídeo porteiro: Beneficiar Descrição Segurança melhorada Verifique visualmente a identidade dos visitantes antes de conceder […]

Articles

Os sistemas de intercomunicação de longo alcance tornaram-se um componente essencial da segurança, comunicação e conveniência dos dias modernos. Neste cenário tecnológico em rápida evolução, o sistema de intercomunicação BAS-IP surge como um divisor de águas, oferecendo recursos de alcance ilimitado de intercomunicação. Esta poderosa solução redefine os limites dos intercomunicadores de longo alcance, oferecendo […]

Articles

Num mundo em que a comunicação é essencial para o bom funcionamento das empresas, escolas e complexos residenciais, nunca é demais sublinhar a necessidade de sistemas de intercomunicação fiáveis e eficientes. Com o advento dos sistemas de intercomunicação SIP (Session Initiation Protocol), chegou o momento de inaugurar uma nova era de comunicação sem falhas. Neste […]

Articles

No mundo atual dos edifícios inteligentes e das tecnologias ligadas, os sistemas de controlo de acesso sem contacto estão a tornar-se cada vez mais importantes para a segurança e a comodidade. Os dois principais intervenientes neste domínio são a NFC (Near Field Communication) e o Mifare. Estas tecnologias têm diferenças distintas que afectam a sua […]

Articles

Já se foram os dias das campainhas e interfones convencionais! O interfone inteligente está aqui para causar impacto no mundo da segurança doméstica e do escritório. Com seus recursos de ponta, não é de admirar que este gadget inovador esteja conquistando o mundo. Neste guia completo, vamos nos aprofundar em tudo o que você precisa […]

Articles

À medida que a tecnologia de vigilância por vídeo evolui, torna-se crucial compreender os protocolos e padrões básicos. Neste artigo, vamos mergulhar no mundo das câmaras IP, concentrando-nos em dois termos cruciais: RTSP e ONVIF. Ao fornecer uma visão geral das câmaras ONVIF, diferenciando entre ONVIF e RTSP e respondendo a perguntas frequentes, pretendemos equipá-lo […]